Não perca nenhuma novidade, cadastre-se em nosso blog !
Assinar agora
Não perca nenhuma novidade, cadastre-se em nosso blog !
Assinar agora

Uma resenha do filme Insônia lançado em 2002 e com participação de Al Pacino, Robin Williams e Hilary Swank.

Remake do filme norueguês de 1997, de mesmo nome, “Insônia” foi produzido pelo diretor, roteirista e produtor britânico Christopher Nolan e lançado em 24 de maio de 2002. Com um elenco de destaque, composto por Al Pacino, Robin Williams, Hilary Swank, Maura Tierney, Martin Donovan e outros atores tão importantes quanto.

O destaque não é apenas no elenco, a trama do filme não deixa a desejar. O filme tem como gênero o suspense psicológico e possui paisagens e ambientes que podem causar uma espécie de angústia e apreensão por parte do espectador.

Trama do filme

A trama do filme gira em torno do assassinato de uma jovem de 17 anos, Kay Connell, em uma pequena cidade do estado americano, o Alasca.

Considerado um caso raro na cidade, a menina foi encontrada morta por espancamento e um policial extremamente competente de Los Angeles, Will Dormer (Al Pacino) é convidado para investigar o caso, juntamente com seu parceiro Hap Eckhart (Martin Donovan). Ambos vão ao encontro da detetive de pequenos casos, Ellie Burr (Hilary Swank).

Ao mesmo tempo em Los Angeles é feita uma investigação para colocar o detetive Dormer sob vigilância e Hap Eckhart revela à ele que em troca de testemunhos de casos antigos de Dormer, ele terá uma imunidade.

Com foco no caso de Kay Connell o detetive cria uma estratégia com objetivo de atrair o assassino de volta à cena do crime, portanto o plano acaba tendo algumas falhas, onde no meio da neblina o suspeito foge e faz com que os policiais tenham que se separar para encontrá-lo.

Ao ver a figura em meio à neblina Dormer atira, no entanto ao se aproximar ele descobre que acidentalmente atirou em outra pessoa, não no suspeito. Podendo se prejudicar futuramente, ele acaba por alterar a cena do crime.

Sol da meia noite

A partir de então, pelo sentimento de culpa, o detetive passa a ter uma instabilidade emocional, a qual lhe causa uma insônia. Outro fato também é o longo período do dia da região, conhecido como “sol da meia noite” que impede que ele consiga dormir.

Leia também: Traumas psicológicos causam insônia

O conjunto da obra garante uma certa angústia, isso se dá por ao observar Dormer é perceptível o tormento pelo seu cansaço e sua culpa. Outro fato também é a fotografia do filme, jogos de luzes e sombras que influenciam o nosso sentimento ao decorrer da película.

Insônia se trata de um filme com uma narrativa linear, rapidamente você se vê envolvido na trama onde o “vilão” e o “mocinho” são identificados logo no início.

Mas ao mesmo tempo, além de vilão e mocinho, vemos dois homens envolvidos em seus problemas, que buscam uma maneira de consertar e apagar os erros que cometeram. Os desgastes emocionais refletidos em suas ações deixam o  filme ainda mais interessante e real.

Se você procura por um filme para relaxar no final de semana, recomendo Insônia. É um bom contato com uma trama policial e psicológica.

 

Por Alexandra Almeida

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here